Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Heaventus Doces

Depois dos 40, a Mulher, Mãe, Profissional rende-se à paixão pela arte da culinária,… Partilho o resultado de momentos felizes passados na cozinha (doces e Salgados) com receitas de deliciosos pratos!...

Heaventus Doces

17
Nov18

Em Preparação para o Natal

46380389_1909754932667014_1332381413080563712_n.jpg

 

Natal para mim é sinónimo de cozinha, doces, tradição.

Pelo Natal a família reune-se de volta dos tachos e todos sem exceção dão o seu contributo, seja nas entradas, no prato principal ou nas sobremesas. Esta é a forma de viver o Natal cá em casa e desde sempre na minha família. Recordo-me do Arroz Doce e das Filhoses da minha avó, do Cabrito que o meu avó preparava no forno de lenha, dos doces da minha mãe e do meu pai a fritar coscorões, da minha irmã a tentar fazer Azevias... Enfim a família toda na cozinha no meio de toda a azáfama mas sempre felizes!

Por estes dias começo a fazer as experiências na cozinha, com algumas receitas tradicionais desta época. Hoje comecei com a Aletria.

 

  • Aletria Simples

 

Ingredientes:

- 150 gr de Aletria

- 650 ml de leite meio gordo

- 2 colheres de sopa de manteiga

- 3 gemas de ovos 

- 170 gr de açúcar

- 2 colheres de sopa de açucar baunilhado

- casca de limão e 2 paus de canela

Preparação:

  • Comece por juntar num tacho o leite, casca de limão, margarina, pau de canela, seguidos dos açúcares: o branco e o baunilhado. Leve ao lume até ferver.
  • Enquanto isso, esmague delicadamente os fios de aletria e junte-os ao tacho. 
  • Deixe cozinhar durante 5 a 7 minutos, mas vá mexendo.
  • Entretanto, bata 3 gemas de ovo, junte-as à aletria, envolva rapidamente e tire o tacho do lume.

No fim, decore a aletria com a canela.

46422803_511112632721128_4126596189925670912_n.jpg

 

Bom Apetite!....Doces Heaventus!...

 

16
Nov18

Somos o resultado... Das pessoas que amamos

transferir.jpg

 

Sim, esta frase reflete uma das minhas convicções.

Sempre aprendi muito em cada uma destas experiências. Os livros e as viagens completam-nos e contribuem para um maior conhecimento e desenvolvimento intelectual, mas é sem dúvida com as pessoas que amamos que mais crescemos em todos os sentidos: intelectual, emocional e educacional.

Amo a minha família, os meus amigos, e todos os que contribuíram para a minha formação... A ser quem sou... A evoluir todos os dias e acima de tudo a permitir-me fazer tudo isto de uma forma recíproca, porque afinal é isso que fazemos com as pessoas que amamos.

E porque é que hoje escrevo este texto?... 

Porque na vida corrida que levamos todos nós, todos os dias, por vezes tenho receio de me esquecer de agradecer estas coisas simples da vida, que nos proporcionam aqueles que nos amam e que nós tanto amamos.

Obrigado Mãe! Adorei a tua prendinha, que me faz tão feliz nos meus momentos de descontração na cozinha. Também aí sou o reflexo e o resultado de uma pessoa tão importante na minha vida 

E agora, porque os dias frios pedem bolinhos quentes, aqui vão mais duas receitinhas rápidas e deliciosas: Bolo de Cenoura com Nozes  (Teleculinária) e Bolo Mármore

  • Bolo Mármore Fofinho

 

  • Ingredientes para o Bolo:

    • 3 Chávenas de farinha de trigo
    • 4 ovos grandes
    • 4 colheres de sopa de margarina
    • 1 Chávena de leite morno + 1/3 de natas
    • 2 Chávenas de açúcar
    • 3 colheres de sopa de chocolate em pó
    • 1 colher de sopa de fermento em pó

     

    Preparação:

    1. Pré aqueça o forno a 180º e unte uma forma para bolos com Manteiga e polvilhe com farinha.
    2. Bata os ovos junto com o açúcar e a margarina na batedeira.
    3. Em seguida adicione o leite e as natas aos poucos e por fim a farinha de trigo.
    4. Por último adicione o fermento e mexa delicadamente.
    5. Coloque metade da massa na forma redonda de buraco no meio.
    6. Na metade restante adicione o chocolate em pó, misture e despeje na forma em cima da outra metade da massa.
    7. Leve ao forno por 45 minutos em forno médio.

46362868_1989313074694846_822474937125044224_n.jpg46436801_581185378985745_7789187194345750528_n.jpg

 

Bom Apetite!... Doces Heaventus!...

01
Out18

Quando a Tempestade não Dorme

42881021_165819470989958_2604619621726158848_n.jpg

 Quando a Tempestade não Dorme trata-se de mais uma produção do Grupo TEMA, carregada de parábolas sobre a vida e o seu sentido... Um drama que nos leva a pensar sobre o nosso percurso ao longo da vida, o que imaginamos, o que desejamos e a realidade, dura por vezes,... Num espectáculo intimista em que partilhamos o palco com os atores durante todo o desenrolar da história, é impossível não sentir todas as emoções transmitidas na excelente representação de todo o elenco.

Leva-nos forçosamente a pensar para onde nos leva este Mundo atual que nos puxa constantemente dos nossos sonhos para uma realidade cada vez mais dura e fria,por vezes com miséria ... O que é afinal a nossa busca por uma vida melhor?...Será que devemos fugir da tempestade ou devemos agarrarmo-nos aos nossos sonhos e convicções e tentar ultrapassá-la?...

 

Transcrevo o resumo do autor, na esperança de vos despertar para uma visita ao Auditório Beatriz Costa de 12 a 27 de Outubro. Vale a pena!

cartaza3_quandoatempestadenaodorme_mafra.jpg

 

"... um espectáculo que nos confronta com qualquer coisa fora do comum: uma tempestade eterna.

Estamos perante uma parábola que nos fala das várias impossibilidades com que o ser humano se depara ao longo da sua passagem pela vida. É no pensamento que uma pessoa é mais difícil de controlar; a partir do momento em que se ganha a capacidade de interrogar e de imaginar diferentes rumos para caminhar, apenas as inevitabilidades da realidade conseguem travar a busca pela liberdade e pela felicidade. Porém ambos esses estados são efémeros e a tentativa de os perpetuar só fará com que pareçam estar sempre um tudo-nada além do nosso alcance.

Esta tempestade mais não é que uma barreira que se apresenta intransponível e que representa o acesso a uma espécie de idílio: o lugar onde podemos ser livres e felizes, onde uma vida melhor está finalmente acessível..." 

 

Para quem já viu esta peça ou vai ver, partilho uma receita de... BISCOITOS! (vejam a peça e percebem...)

Hoje experimentei esta receita, porque cá em casa todos gostam de biscoitos e de amendoins. (Retirei do Blog Saboreando a Vida)

 

 

  • Biscoitos Amanteigados de Amendoim
 
 
Ingredientes
 
3/4 Chávena de amendoim sem pele torrado e moído (no liquidificador) 
3/4 Chávena de manteiga
3/4 Chávena de açúcar
1 ovo
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
1 Chávena de farinha de trigo
1 pitada de sal
 
 

Preparação

 
Ligue o forno em 180ºC. Bata a manteiga e o açúcar até misturar. Acrescente o ovo e o sal e bata até esbranquiçar e virar um creme. Desligue a batedeira e junte a farinha, o amendoim e o fermento e misture tudo muito bem. Abra a massa com rolo e corte os biscoitos com cortadores. Distribua-os em tabuleiros untados e enfarinhados e leve os ao forno por uns 20/25 minutos (até que o fundo comece a dourar).

42953176_1838078429580896_2029333027582115840_n.jpg

 

Bom Apetite!....Doces Heaventus!...

26
Set18

As minhas PIADINAS...

42568172_321333468658660_4247040657887068160_n.jpg

 

A Piadina é um pão típico italiano, provavelmente já comido pelos antigos romanos, que teriam aprendido a fazê-la no Oriente Médio (gregos bizantinos e os palestinos têm pratos similares). Era pobre e de tipo ázimo, mas com o passar dos tempos, a sua receita foi enriquecida com outros ingredientes. Atualmente é um acompanhamento de vários pratos, podendo inclusive ser servida com lanches e doces - in Wikipédia.

Mas as minhas Piadinas são integrais, ... às vezes também gosto de fazer uns lanchinhos mais saudáveis...

Como o calor continua e o Verão anda a sobrepor-se ao Outono, as receitas cá em casa continuam a ser leves e frescas. Acima de tudo descontraídas. 

A parte boa destas "meninas" é que vão bem com as diferentes escolhas cá de casa: do Manjericão aos Espinafres, do Atum ao Presunto, sempre com tomate e mozzarella a acompanhar.

 

  • Piadinas Integrais

 

Ingredientes para a massa:

  • 1 Chávena de chá de farinha de trigo integral
  • 1 Chávena de chá de farinha de trigo e mais um pouco para enfarinhar a mesa
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 1 colher de chá de sal
  • 2 colheres de sopa bem cheias de azeite
  • 1 Chávena de chá de leite à temperatura ambiente


Ingredientes para o recheio:

  • Tomate em fatias
  • Folhas de Manjericão
  • Queijo Mozzarella fresco fatiado
  • Presunto fatias finas
  • Atum
  • Azeitonas descaroçadas em rodelas

    Preparação:

1. Numa tigela grande, junte as farinhas, o sal e o fermento. Misture e abra um buraco no centro. Coloque o azeite bem no meio e misture com a farinha com os dedos; 
2. Junte o leite em duas etapas e, com as mãos, misture bem, até formar uma bola que não pegue às mãos. Transfira a massa para uma superfície de trabalho enfarinhada e amasse bem durante aprox. 3 minutos. (no máximo!);
3. Enrole a massa para formar uma cobra e divida em 6 pedaços iguais. Cubra a massa com um pano e deixe repousar enquanto prepara a nova fase;
4. Leve ao lume uma frigideira grande, de preferência antiaderente. Entretanto com a ajuda do rolo da massa estique cada um dos pedaços até ficar com cerca de 20 cm de diâmetro. Quando a frigideira estiver bem quente, coloque o disco e faça vários furos com um garfo;

5.Assim que o fundo começar a ficar com pintinhas escuras, uns 2 minutos, vire e deixe cozinhar por mais 2 minutos. Transfira para um prato enquanto prepara as restantes. Sirva logo de seguida para não arrefecer. 

 

As piadinas são boas acabadas de fazer. 

42538036_1205238619618560_814041038694907904_n.jpg42675674_443051086219170_8534001864264384512_n (1).jpg

 

 

Bom Apetite!....Doces Heaventus!...

 

11
Set18

Fazer o que me faz FELIZ

oquetefazfeliz.jpg

 

"Ser FELIZ sem um motivo, é a mais autêntica forma de FELICIDADE!"

 

Ora aqui está uma definição que me agrada!... Ao longo da nossa vida o conceito de Felicidade ou de ser FELIZ vai mudando em função do que vamos conquistando, seja na saúde, enquanto objetivo profissional, na família, ou no amor...

Habitualmente associamos a Felicidade a algo externo a nós, que gera em nós bons sentimentos, alegria, sorrisos, ... good vibes, entendem o que quero dizer?

Não sei se é a idade, mas cada vez mais procuro ser FELIZ sem motivo. Parece simples, mas é bastante complexo, porque apesar de não existir motivo, tem de existir uma ação, ou seja, tenho de fazer alguma coisa que me deixe FELIZ só porque sim.

Apesar do conceito de Felicidade ser diferente para cada um de nós, é importante não esquecermo-nos de fazer algo que nos faça FELIZ, todos os dias... Viajar, Ler, conversar, trabalhar, dormir, comer, cozinhar, ....

É por isso que hoje partilho mais uma receita, que me faz FELIZ, quando estou a prepará-la e claro, deliciosa de comer.

41562947_966880623506561_2821317695520112640_n.jpg

 

  • Panquecas de Mirtilos 


Ingredientes:

 

150 gr de farinha integral

1/2 colher (chá) de sal
50 gr de oleo de côco
50 gr de açúcar mascavado
200 gr de leite
2 ovos
1 colher (chá) de fermento em pó

mirtilos a gosto

 

 

Preparação:

   Coloque todos os ingredientes no copo excepto os mirtilos e programe 15 segundos/ velocidade 6.

   Junte os mirtilos e envolva.
   Unte uma frigideira antiaderente com manteiga e aqueça ao lume.
   Coloque uma concha da massa preparada, e vire quando começarem a surgir borbulhas à superfície. Aloure do outro lado.
   Sirva ainda quentes e bem acompanhadas com mel!...

41493231_2042257252731820_5510248092202434560_n.jpg